Clube da Esquina: grandes nomes da música em show especial em BH

Lô Borges, Beto Guedes, Toninho Horta e Flávio Venturini se apresentam ao lado de Seu Jorge, Mônica Salmaso, Céu, Joyce Moreno e Fernanda Takai no Palácio das Artes

Por Plox

25/06/2024 09h55 - Atualizado há 17 dias

O Palácio das Artes em Belo Horizonte será palco, de terça (25) a quinta-feira (27), de um concerto especial intitulado “As Cores do Clube da Esquina”. O evento reúne grandes nomes da música brasileira para celebrar a trajetória do icônico grupo musical surgido na capital mineira nos anos 60.

Entre os artistas confirmados estão Lô Borges, Beto Guedes, Toninho Horta e Flávio Venturini, fundadores do Clube da Esquina. Eles dividirão o palco com intérpretes renomados como Seu Jorge, Mônica Salmaso, Céu, Joyce Moreno e Fernanda Takai.

A orquestração do evento, inédita, foi realizada por Wagner Tiso e será executada por músicos da Orquestra Filarmônica Ramacrisna e da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, sob a regência de Eliseu Barros. Além dos músicos no palco, Márcio Borges, Murilo Antunes e Tavinho Moura também estarão presentes. Milton Nascimento, convidado de honra, não poderá comparecer devido a compromissos de agenda.

Robertinho Brant, idealizador do projeto, é também responsável pelos arranjos e pela direção musical e artística do concerto. Ele explica que Milton Nascimento, conhecido como Bituca, planeja assistir ao show quando o projeto for levado ao Rio de Janeiro.

O repertório do show incluirá clássicos como “Nada Será Como Antes” e “Clube da Esquina N° 1”, interpretados por Seu Jorge, que destaca a genialidade de Milton Nascimento e seus parceiros. “Eu fui educado ouvindo toda a sua obra. Eles são músicos que têm contribuído muito com a resistência e com a manutenção da beleza”, comenta Seu Jorge, que já se apresentou ao lado de Bituca em várias ocasiões.

Mônica Salmaso, que gravou o álbum “Milton” em 2022 como homenagem aos 80 anos de Milton Nascimento, também participará do concerto. “O Clube da Esquina criou uma nova estrada na MPB, com uma música que toca fundo por sua ligação com as raízes do Brasil”, analisa a cantora. No show, ela interpretará canções como “Cais”, “Fazenda” e “Nascente”, esta última em dueto com Flávio Venturini.

O projeto “As Cores do Clube da Esquina” faz parte de uma iniciativa maior que inclui o lançamento de um disco duplo e um documentário. O disco “Trem de Doido - 1 e 2” contará com 44 músicas e será lançado em duas partes, a primeira em novembro de 2024 e a segunda em abril de 2025. O documentário, previsto para 2026, contará a história do Clube da Esquina por meio de suas composições e sonoridade.

Além disso, as apresentações serão registradas para um audiovisual, dirigido pelos cineastas Pedro de Filippis e Luiz Pretti, com data de lançamento ainda indefinida.

Destaques