Ipatinga

emprego

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Concurso Polícia Civil de Minas Gerais: confira dicas para reta final de estudos

    Professor dá dicas e orientações para o concurso e afirma que o candidato deve priorizar as disciplinas ligadas ao Direito

    Por Plox

    25/10/2021 13h44 - Atualizado há cerca de 1 mês

    As inscrições para o Concurso de Polícia Civil de Minas Gerais já estão abertas e podem ser realizadas no site da banca organizadora do exame, a Fumarc, até o dia 9 de novembro. São 519 vagas oferecidas para os cargos de Escrivão, Investigador, Delegado, Médico Legista e Perito Criminal, todos para nível superior de escolaridade. 

    Foto: Divulgação

     

    O cargo de Escrivão, por sua vez, corresponde a mais da metade das vagas de todo o concurso, com 397 vagas. A remuneração inicial é de R$ 4.631,23, com jornada de trabalho de 40 horas semanais. Segundo Diogo Medeiros, ex-policial civil de Minas Gerais e atualmente professor, essa será a carreira mais concorrida em comparação às outras. 

    Junto com o cargo de Investigador, eles possuem a vantagem de apenas requerer algum diploma de Ensino Superior, ao contrário das vagas para Delegado e Perito Criminal, que pedem formações obrigatórias em Direito e Medicina, respectivamente. 

    As provas objetivas serão aplicadas no dia 12 de dezembro para Perito Criminal e Médico Legista e no dia 19 de dezembro para os cargos de Delegado e Escrivão, todos com 60 questões. Para Medeiros, a Fumarc já tem tradição em estar à frente de certames no Estado de Minas Gerais para a Polícia Civil, o que torna a prova mais previsível.

    Segundo o professor, uma boa dica é entender a estrutura da prova. Para os cargos mais disputados, como Investigador e Escrivão, as disciplinas ligadas ao Direito serão determinantes para o sucesso do concurseiro, uma vez que 60 a 70% da prova em Direito será cobrada a literalidade da lei.

    "O que se espera da banca, pelo menos na parte de Direito, que é a mais importante, é a letra da lei, como acontece com a maioria dos concursos públicos para Polícia Civil", afirma.

    O professor aconselha os candidatos a darem atenção à Lei Orgânica da Polícia Civil de Minas Gerais, que será muito importante pelo número de questões que serão propostas nos exames objetivos. "A lei não é tão grande. Estudar atentamente já possibilita garantir essas dez questões da prova objetiva", realçou.

    Para orientar os concurseiros durante essa reta final de estudos, ele também recomenda que a preparação seja feita por meio da resolução de exercícios de provas realizadas pela Fumarc. Além disso, o concurseiro deve buscar materiais atualizados. Uma estratégia é procurar por cursos preparatórios que oferecem gratuitamente algumas apostilas e até mesmo aulas ao vivo.

    Segundo ele, esse método permite treinar diretamente para a prova ao aplicar todo o repertório adquirido nos estudos. “É uma maneira de transformar as informações obtidas pelos livros e vídeoaulas na internet de maneira passiva para ativa, facilitando a assimilação e memorização dos conteúdos”, conclui.

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]