Primeira trilha para pessoas com deficiências é inaugurada no Chile

26/04/2019 10:08

Publicidade

A inclusão de deficientes na sociedade é uma pauta muito discutida em vários países, e por vezes, fica apenas na teoria. Mas no Chile, a Corporación Nacional Forestal (Conaf) no Chile, partiu para a prática. O parque inaugurou uma trilha inclusiva, destinada a pessoas com deficiências visuais e físicas. 

Divulgação

 

Foto: Divulgação

Localizada no Cerro Ñielol, na cidade de Temuco, o trajeto ganhou o nome da flor tradicional do país “Los Copihues”. O caminho permitirá que os frequentadores toquem na copa das árvores, sintam as texturas das folhas, desfrutem da paz do local, num ambiente 100% natural, no que funcionários chamam de “terapia de bosques”.

Por ano, passam pelo parque cerca de 33 mil visitantes, quantia que a diretoria pretende aumentar, motivada pela inauguração do primeiro trecho, que chega a 200 metros.

A ideia é expandir o projeto para outras unidades ecológicas na região, segundo explicou o diretor do Conaf Araucanía, Julio Figueroa. “Até o momento temos cinco trilhas inclusivas, três neste Momento Natural, outro no Parque Nacional Huerquehue e no Parque Nacional Tolhuaca”, contabilizou.

O parque

O Cerro Ñielol é também conhecido por Parque Nacional de Turismo Cerro Ñielol é uma montanha pertencente à cordilheira Ñielol. Tem entre 115 e 335 metros de altura, e é o ponto mais alto da cidade. Possui 89 hectares de reserva.

Atualizada às 11h

 



Publicidade