Vítima teria furtado gado de idoso que matou em cavalgada

Além do alvo dos disparos, o próprio idoso morreu após ser linchado

Por Plox

26/08/2019 12h35 - Atualizado há mais de 4 anos

A Polícia Militar informou que o crime cometido pelo idoso de 67 anos em uma cavalgada em Manhumirim (MG) teve como motivação os constantes furtos de gado por parte da vítima. O idoso atirou contra dois homens nesse domingo, 25, sendo que um deles, de 30 anos, morreu e outro ficou ferido. Após o crime, o autor foi linchado por participantes da festa e também acabou morrendo. 

A informação dos constantes furtos de gados foi revelado pelo filho do idoso, em depoimento à polícia. Os problemas entre o idoso e a vítima datam desde 2018, época em que foram levados gados e cavalos das propriedades do atirador por mais de uma vez, pois a vítima, com vasto histórico na cidade de furto de animais, teria invadido o terreno do idoso.

crime

Crime aconteceu em festa de cavalgada- Foto: Prefeitura de Manhumirim/Divulgação

Durante a cavalgada, ele disparou contra o suposto rival. O pai do suspeito de furtos tentou desarmar o idoso e sem querer disparou contra um homem que estava na cavalgada e nada tinha a ver com a briga. Ele foi atingido na perna e não corre risco de morrer. O idoso foi linchado e morreu. O pai do suspeito de furtos foi preso, assim como mais outras seis pessoas. 

Atualizada às 13h17

Destaques