Mãe confessa ter matado filha de 2 anos asfixiada em MG

26/11/2019 09:15

Mulher disse que pretendia matar a outra filha também

Publicidade

Uma mulher matou sua própria filha de 2 anos de idade asfixiada na cidade de Capelinha-MG, no Vale do Jequitinhonha.

O crime aconteceu nesta segunda-feira (25) e a mulher, de 30 anos, confessou o ocorrido.

Segundo informações, a versão inicial dada pela mulher é de que a criança havia engasgado com a mamadeira. Após a Polícia Militar encontrar uma fita adesiva com cabelo semelhante ao da criança morta na cesta de lixo e estranhar a versão, a mulher teria confessado o crime.

WhatsApp Image 2019-11-26 at 09.32.59Foto: Divulgação

Ainda de acordo com informações a mulher, que disse fazer tratamento psicológico, ela planejava matar também sua outra filha e depois se matar, mas se arrependeu do plano após matar a criança.

Segundo informações, a mãe disse aos militares que colocou uma meia na boca da criança, amarrou os braços e pés da criança com fita adesiva e também usou a fita para tapar a boca dela. Ela também disse ter saído para comprar mais fita, mas, ao retornar, a criança já estava morta.

A mulher foi presa e conduzida ao hospital e posteriormente à Delegacia Civil de Capelinha. A segunda filha da moça está com o Conselho Tutelar.



Publicidade