Ipatinga

polícia

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Homem é preso suspeito de cometer triplo homicídio em Minas

    O fato aconteceu no Triângulo Mineiro e o suspeito foi preso em Goiás

    Por Plox

    26/11/2021 18h25 - Atualizado há cerca de 2 meses

    Na quinta-feira (25), uma operação conjunta da Polícia Civil de Minas Gerais, com apoio da Polícia Militar de Goiás, resultou na prisão de um homem, de 39 anos, suspeito de cometer triplo homicídio em Gurinhatã, no Triângulo Mineiro. Entre as vítimas, está um casal de idosos, um homem, de 64 anos, e uma mulher, de 61, e o bisneto deles, de apenas 2 anos.

    O crime ocorreu na quarta-feira (24), e o investigado foi localizado e preso em Cachoeira Alta (GO). Ele confessou à polícia o crime e revelou a motivação e toda dinâmica dos homicídios.

    De acordo com as investigações, no início desta semana, o suspeito conduzia um veículo nas proximidades de Gurinhatã e acabou ficando sem gasolina. Ele, então, teria pedido combustível emprestado ao idoso, proprietário de uma fazenda na região, que o auxiliou. No dia do crime, a vítima o convidou a ir até a fazenda dela. O investigado alegou que ao chegar no local a vítima o teria cobrado pelo combustível.

    Segundo o delegado Rafael Faria, responsável pelas investigações, as agressões se iniciaram contra o idoso e, depois, o investigado imobilizou a criança e a mulher. “O idoso foi assassinado com vários golpes de machado. 

    Em seguida, ele teria adentrado novamente na residência e, já com a mulher e a criança desacordadas, desferiu diversos golpes de machado e faca na idosa e, na sequência, arrancou a vagina dela”, detalha. “Por último, o suspeito agrediu a criança com duas pancadas com o cabo de machado e, em seguida, degolou o pescoço dela”.

    Confissão

    O suspeito fugiu logo após o crime e fugiu para estado de Goiás. Após ser detido em Cachoeira Alta, ele foi encaminhado à delegacia de São Simão, no mesmo estado, onde foi ouvido.

    Durante o depoimento, ele confessou, ainda, outro crime também registrado recentemente em Gurinhatã, que chocou a população da cidade.Na ocasião, um corpo foi violado de uma sepultura e teve os órgãos genitais cortados.

    O delegado Rafael Faria adiantou que já foram concluídos os exames de necropsia das vítimas e a perícia de local. O inquérito será concluído em breve com pedido de indiciamento do preso por três homicídios qualificados, vilipêndio de cadáver e violação de sepultura.

    O preso deverá ser encaminhado para o sistema prisional de Minas Gerais nos próximos dias.


     

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2022[email protected]