Robertinho Soares do PSL de Ipatinga é preso pela Polícia Federal

27/06/2019 08:45

Outro assessor do ministro do Turismo Marcelo Álvaro Antônio também foi detido

Publicidade

O coordenador do PSL de Ipatinga, Robertinho Soares, foi preso na manhã desta quinta-feira (27) em virtude da investigação da Polícia Federal sobre supostas candidaturas laranjas do partido em Minas Gerais.

Além do ipatinguense, outro assessor do ministro do Turismo Marcelo Álvaro Antônio, Mateus Von Rondon, também foi detido em Brasília. 

A operação da PF ocorreu em  Aimorés, Ipatinga e Brasília. A ação, nomeada de Sufrágio Ostentação, cumpre mandados de busca e apreensão e de prisão temporária.

(Foto: Reprodução/TV)Robertinho Soares, ao centro, ladeado pelos  então candidatos, Marcelo Álvaro e Ale Silva, durante a campanha(Foto: Reprodução/TV)

Os detidos e outros  suspeitos são investigados por terem supostamente desviado dinheiro público que foi destinado às companhas da última eleição. 

Os suspeitos teriam “usado” quatro mulheres para forjarem candidaturas falsas , para deputada, e, assim, terem direito a verba pública. 

Segundo as denúncias que estão sendo apuradas, Robertinho Soares atuou como coordenador do partido no Vale do Aço, quando supostamente teria usado uma gráfica de seu irmão para “lavar” o dinheiro desviado.

Deputada Alê Silva diz ao PLOX que se entristece com situação 

A deputada Ale Silva, também do PSL, é uma das pessoas que denunciaram o suposto esquema de fraude. Ela conversou com o PLOX agora de manhã e comentou sobre as prisões.”Algumas pessoas podem achar que fico feliz com essas prisões, mas, na verdade, isso me entristece. Por outro lado, serve de exemplo para que as pessoas respeitem o fundo partidário, que é um dinheiro público. Eu não fiz uso, mas já que existe, deveria ser usado com respeito”, afirmou. 

A PF segue apurando o caso e outras prisões podem ocorrer. Segundo uma fonte ligada ao partido, os indícios de desvios são muito fortes e muitas provas já foram colhidas pelos agentes da Polícia Federal



Publicidade