Jovem é presa após fraturar braço da filha de 5 anos a madeiradas

O padrasto da criança, de 29 anos, também foi detido.

Por Plox

27/06/2024 14h43 - Atualizado há 23 dias

Uma jovem mãe de 21 anos foi presa na noite desta terça-feira (25) em Várzea Grande (MT) por maus-tratos contra sua filha de 5 anos. Segundo a Polícia Militar, a mulher teria batido na criança com um pedaço de madeira, resultando na fratura do braço da menina. O padrasto da criança, de 29 anos, também foi detido.

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Denúncia dos vizinhos e intervenção policial

A Polícia Militar foi acionada por volta das 19h30 após vizinhos denunciarem que uma criança estava sendo espancada em uma casa do bairro. Relatos indicam que não era a primeira vez que as agressões ocorriam.

Relato da mãe sobre o ocorrido

À polícia, a mãe relatou que havia pedido à filha para não pegar o irmão menor no colo, temendo que ele caísse. Enquanto preparava o jantar, a menina foi até a cozinha e disse que havia colocado o bebê na cama, mas que ele caiu. Em resposta, a mãe admitiu ter agredido a filha com um pedaço de madeira.

Atendimento médico e constatação de maus-tratos

A criança foi levada ao Pronto Socorro Municipal de Várzea Grande (PSMVG), onde foi constatada, além da fratura no braço, a presença de vários hematomas pelo corpo, decorrentes de agressões anteriores.

Ação do Conselho Tutelar e situação familiar

As crianças foram acolhidas pelo Conselho Tutelar. A família, de origem venezuelana, enfrenta agora acusações de maus-tratos, tortura e lesão corporal. O padrasto admitiu estar ciente das agressões, afirmando que não interfere na educação dada pela mãe e que considera a violência física uma forma normal de aprendizado para as crianças.

O casal foi encaminhado à delegacia para os procedimentos necessários.

 

 

 

 

Destaques