Criança de 12 anos revela ter sido estuprada pelo padrasto em Timóteo

Vítima disse que foi estuprada três vezes, desde 2019

Por Plox

27/12/2022 10h24 - Atualizado há mais de 1 ano

Na tarde dessa segunda-feira (26), a Polícia Militar foi acionada após uma criança de 12 anos revelar ter sido estuprada três vezes, desde 2019, pelo padrasto que vive com a mãe, no bairro Cruzeirinho, em Timóteo, Minas Gerais. 

De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima vive com a avó e não queria mais dormir na casa da mãe, que é aos fundos do imóvel. Segundo as informações, a menina disse à mãe que foi abusada duas vezes em 2019 e uma vez em março deste ano. Em uma das vezes, o suspeito teria tentado penetrá-la, mas não conseguiu. Apresentada as acusações ao padrasto citado, o mesmo negou tudo. 

Perguntada pelos policiais se procurou Conselho Tutelar, a avó da vítima falou que não soube lidar com a situação. Segundo ela, desde 2019, quando iniciaram os abusos, a neta não queria mais dormir na casa da mãe e passou a morar com ela. 

Somente nesta data a criança resolveu revelar os abusos sofridos. Perguntada se a mãe dela encontrava-se em casa no momento dos abusos, a criança diz que não, e que ocorreram todos na ausência da mãe. A família foi orientada a comparecer no Conselho Tutelar para receber informações sobre o caso.

Após a publicação da matéria, a mãe procurou a reportagem do Plox e informou que não tinha conhecimento dos fatos. Ela só ficou sabendo após os relatos da filha. Diante disso, ela tomou as providências cabíveis e o padrasto da menina saiu de casa.

Matéria atualizada 16h48


 

Destaques