Ipatinga

estilo

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Encontrados no vinho e chocolate, polifenol resveratrol traz a esses produtos benefícios à saúde

    Não é apenas no sabor que esses antioxidantes fazem valer seu nome. Os alimentos que  trazem esse ativo têm o poder de ajudar no cuidado preventivo de muitas doenças

    Por Plox

    28/03/2021 13h56 - Atualizado há 6 meses

    A Páscoa, para os cristãos, tem um significado profundo devido à paixão de Cristo. Mas, para os amantes da boa gastronomia, a intenção de comemorar a Páscoa não fica restrita à reflexão religiosa. Um delicioso chocolate e um bom vinho nessa época são sempre muito bem-vindos.

    E, para os apreciadores desses produtos, uma boa notícia: eles são considerados não apenas apetitosos, mas também jogam a nosso favor quando o assunto é saúde. Os vinhos - sobretudo os tintos e os chocolates que têm mais de 50% de cacau - estão abundantemente repletos de polifenol resveratrol, poderoso antioxidante que auxilia no rejuvenescimento das células humanas. Encontramos tal ativo no cacau e sementes de uvas.

    Inúmeras pesquisas realizadas no mundo, inclusive no Brasil, revelam uma interminável lista de benefícios: prevenção de doenças cardiovasculares e redução da pressão arterial, aceleração do metabolismo energético, auxílio no combate da obesidade, entre muitos outros.

    Então, o que está esperando para experimentar os benefícios que proporcionam essas delícias e saboreá-las comedidamente, sem esquecer da dieta?

    Segundo Patrícia Binz, nutricionista, sommelière e diretora da ABS-RS, o vinho e o chocolate se não consumidos de forma exagerada trazem muitos benefícios à saúde. Ela explica que grande relevância dos compostos presentes no vinho tinto e no chocolate foram descobertos pela ciência.

    Para escolher um vinho que seja mais saudável para o nosso corpo, Patrícia explica: 

    “É bem importante frisar que antes de controlar calorias, deve-se optar por alimentos mais saudáveis. No caso do vinho, para ingestão menor de carboidratos, indica-se os tipos secos (até 4g de açúcar/litro) para os vinhos tranquilos e nature (até 3g de açúcar/litro) ou extra brut (de 3,1g a 8g de açúcar/litro) para os espumantes”.

     

     

    vinhos
    Patrícia Binz, nutricionista, sommelière e diretora da ABS-RS, explica que se consumidos de forma equilibrada, vinho e chocolate podem trazer benefícios à saúde. Crédito: Andrei Cardoso, divulgação

     

    Já no que diz respeito ao chocolate ela ensina que é melhor escolher produtos que contenham maior percentual de cacau, acima de 50%. Ela diz:

    “O importante é que sejam chocolates mais puros, ou seja, que não tenham adição de gordura hidrogenada, apenas a manteiga de cacau, a massa de cacau e o açúcar. Para entender, a conta é simples, quanto mais massa de cacau (percentual de cacau) tiver, menos gordura e açúcar terá o produto final”.

     

    vinhos
    Aurora Colheita Tardia harmoniza perfeitamente com chocolate branco. Crédito: Vinícola Aurora, divulgação

     

    Já foi dito que o consumo deve ser moderado, observando as exigências da boa dieta. Mas qual seria a recomendação diária para ingerirmos esses produtos? Segundo a nutricionista, não há um aconselhamento nutricional exato. Ela diz:

    “O que se sabe é que, de forma consciente e inserido em uma dieta saudável e com hábitos saudáveis, é possível sim ingerir chocolate e vinho na sua rotina. O chocolate, em geral, indica-se uma porção pequena, devido à quantidade de açúcar, ou adoçante utilizado no caso dos diet. O vinho, segundo as orientações internacionais, é de que o consumo máximo seja de uma taça (em média 150ml) por dia para mulheres e até duas para homens. Também é importante sempre intercalar o consumo de vinho com água.”

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]