Cleitinho promete acionar Ministério Público contra ex-BBB Davi por uso de doações

Senador critica uso de recursos arrecadados para vítimas no Rio Grande do Sul, acusando Davi Brito de fazer marketing pessoal

Por Plox

28/05/2024 16h06 - Atualizado há cerca de 1 mês

O campeão do BBB 24, Davi Brito, está no centro de uma polêmica envolvendo o uso de doações arrecadadas para ajudar vítimas da tragédia climática no Rio Grande do Sul. O senador Cleitinho Azevedo (Republicanos-MG) anunciou que acionará o Ministério Público após Davi admitir ter utilizado parte do dinheiro para financiar sua viagem ao estado gaúcho.

Em um vídeo publicado na segunda-feira (27) nas redes sociais Instagram e X (antigo Twitter), Cleitinho questionou duramente a atitude do ex-BBB. "Pera aí, você acabou de ganhar o Big Brother Brasil, você ficou milionário! Você não tinha do seu dinheiro para poder se deslocar, para poder ajudar o povo do Rio Grande do Sul, Davi?", criticou o senador.

Davi Brito se defende
Em entrevista ao jornal O Globo no domingo (26), Davi Brito explicou que inicialmente pediu contribuições via pix para poder viajar ao Rio Grande do Sul e atuar como voluntário. "Realmente ainda não tinha condições financeiras de ir para o Rio Grande do Sul com os meus próprios meios", afirmou Davi.

Repercussão e esclarecimentos
Após a repercussão negativa, Davi Brito divulgou um comunicado alegando que uma empresa doou o dinheiro para suas passagens. "É só pra esclarecer mesmo para as pessoas que ainda têm dúvidas ou que pensam que eu peguei o dinheiro doado para comprar passagem, peguei não. Uma empresa viu a minha atitude, aplaudiram e me ajudaram com passagem ida e volta. Foi doação", disse Davi. Ele ainda publicou imagens de notas fiscais para prestar contas aos seguidores.

Correção
Contrariando informações anteriores, o deputado federal Nikolas Ferreira (PL-MG) não comentou a publicação do senador Cleitinho nem fez críticas ao ex-BBB. A assessoria de imprensa de Nikolas esclareceu que um perfil fake foi usado para se passar pelo deputado.

 

 

 

Destaques