Dois homens são presos por suspeita de tráfico de drogas, encontradas em creche, no Planalto em Ipatinga

Cão policial encontrou drogas e munições escondidas no imóvel de uma creche municipal

Por Plox

28/05/2024 19h14 - Atualizado há cerca de 2 meses

Dois homens foram presos, em flagrante, no bairro Planalto, em Ipatinga, após operação da Polícia Militar que localizou drogas e munições escondidas entre o forro e o telhado de uma creche municipal na noite dessa terça-feira (28). A apreensão contou com o trabalho do cão policial Lion. Segundo o boletim de ocorrências, os militares chegaram aos suspeitos a partir de uma denúncia anônima ao Disque Denúncia Unificado. Além da denúncia sobre o tráfico, o informante também apontou que eles os suspeitos seriam os responsáveis pelo envio de cartas anônimas a moradores do bairro Planalto. Acompanhe a Live!

A operação foi desencadeada após denúncia ao Disque-Denúncia Unificado, relatando que os suspeitos estavam traficando cocaína, crack e maconha no local. O informante também revelou que as drogas eram armazenadas nos fundos de uma creche e nas margens de uma lagoa próxima. Durante a vigilância, um dos suspeitos foi visto saindo da loja e realizando transações suspeitas na esquina das ruas Onze e Quatro, retornando frequentemente ao estabelecimento e à área atrás da creche.

Foto: Divulgação/PMMG

Com a confirmação da movimentação típica de tráfico, a polícia abordou o suspeito quando ele estava saindo da loja. Ele tentou dispensar drogas no local, mas foi contido na Rua Dez. O outro suspeito foi detido dentro da loja. Na esquina, foram encontradas três pedras de crack descartadas pelo suspeito. Em uma busca na área indicada atrás da creche, o cão farejador localizou uma abertura no telhado, onde foram encontrados 10 munições calibre .40, 1 cartucho intacto calibre .32, 1 cartucho intacto calibre .38, sete tabletes de maconha, 51 porções de maconha, duas porções de cocaína, 50 pinos de cocaína, uma porção grande de crack, 14 pedras de crack, uma balança de precisão e diversos materiais para embalagem de drogas.

Foto: Divulgação/PMMG

Dentro da loja, foram encontrados R$ 140,00 em um tênis e a carteira de identidade de um dos suspeitos. Os suspeitos, que se recusaram a fornecer informações sobre um duplo homicídio ocorrido em 24 de maio de 2024, foram presos e encaminhados à delegacia. Um deles foi autuado por tráfico de drogas e posse ilegal de munições, enquanto o outro foi preso por associação ao tráfico de drogas. Ambos não apresentavam lesões e não necessitaram de atendimento médico. Os pertences dos suspeitos foram deixados sob a guarda de uma pessoa identificada como um dos familiares.

A operação envolveu guarnições do Comando Tático, GEPMOR e Patrulha de Prevenção a Homicídios. As algemas foram utilizadas para garantir a segurança dos militares e prevenir fugas durante o transporte dos suspeitos.

 

 

 


 

Destaques