Éder Militão processa Karoline Lima por disputas relacionadas à filha

Jogador acusa influenciadora de impor condições para viagem da filha; Karoline Lima rebate alegações

Por Plox

28/05/2024 14h11 - Atualizado há cerca de 2 meses

A disputa judicial entre o jogador de futebol Éder Militão e a influenciadora digital Karoline Lima ganhou novos contornos recentemente. Militão entrou com um processo contra sua ex-companheira, alegando que ela impôs condições para que a filha do casal, Cecília, pudesse viajar. Essa situação gerou uma série de acusações mútuas e revelações sobre a vida particular do ex-casal.

Foto: reprodução/ Instagram

Custos elevados de pensão e condições impostas
Segundo informações, os gastos com a pensão de Cecília ultrapassam R$ 25 mil mensais. Estes custos incluem aulas de natação, medicamentos, plano de saúde, roupas e outras despesas adicionais. Militão também arca com o aluguel de até R$ 10 mil, o equivalente a seis salários mínimos, além de pagar os salários de uma empregada doméstica e uma babá, que somam mais de R$ 6 mil.

Karoline Lima expõe detalhes das dificuldades
Após a abertura do processo, Karoline Lima criticou publicamente as decisões de Militão. A influenciadora recentemente se mudou para o Rio de Janeiro devido ao seu relacionamento com o zagueiro Léo Pereira, do Flamengo. Militão, por sua vez, tentou impedir a mudança de Karoline e, segundo ela, demitiu a empregada doméstica que trabalhava na casa. Karoline comentou: “Não tente prejudicar uma pessoa humilde, uma pessoa trabalhadora, uma pessoa que está aqui para ajudar, inclusive no momento que você não está. Essa funcionária acabou de receber uma ligação do contador do pai da Cecília dizendo que ela estava demitida, simplesmente pelo fato de que ela está no Rio de Janeiro”.

Problemas com aulas de natação e hospedagem
Karoline também revelou que Militão deixou de pagar a professora de natação de Cecília, mesmo com as aulas sendo realizadas de forma online enquanto estavam no Rio de Janeiro. Ela relatou nas redes sociais: “O bonitão falou que a gente estava no Rio de Janeiro, sendo que a professora de natação estava acompanhando a gente por aula online e eu entro na piscina [com a Cecília]”.

Além disso, Karoline disponibilizou sua casa no Rio de Janeiro para que a família de Militão pudesse se hospedar e visitar Cecília. Enquanto isso, Militão atualmente está em um relacionamento com a modelo Tainá Castro, ex-mulher de Léo Pereira, com quem tem dois filhos.

Reprodução/ Instagram

Essa disputa judicial destaca as complexidades das relações pessoais e financeiras após a separação de casais públicos, evidenciando as dificuldades enfrentadas na gestão das responsabilidades parentais e a necessidade de resoluções jurídicas.

 

 

 

Destaques