Programa dará apoio psicológico a profissionais da segurança; saiba mais

Escuta Susp oferece atendimento psicológico especializado e gratuito

Por Plox

28/05/2024 18h42 - Atualizado há cerca de 2 meses

O Ministério da Justiça e Segurança Pública oficializou nesta terça-feira (28) o projeto Escuta Susp, destinado à promoção da saúde mental entre profissionais de segurança pública. A iniciativa oferece assistência psicológica especializada e gratuita a policiais federais, militares e civis, bombeiros, peritos criminais e guardas municipais. O objetivo é atender aqueles que estejam em sofrimento psicológico e não estejam recebendo acompanhamento de profissionais de saúde.

Foto: José Cruz/Agência Brasil

O Escuta Susp faz parte do Programa Nacional de Qualidade de Vida para o Profissional de Segurança Pública (Pró-Vida) e foi desenvolvido em parceria com a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). A primeira etapa do projeto contará com mais de 65 mil sessões remotas, segundo o ministro da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Lewandowski. “Nesta primeira etapa, o Escuta Susp vai atender profissionais de Sergipe, Rio Grande do Norte, Minas Gerais e do Distrito Federal, em parceria com universidades federais [dos respectivos estados]. Para 2025, a previsão é expandir o projeto para todo o Brasil”, afirmou Lewandowski durante a cerimônia de assinatura.

Estatísticas alarmantes

Dados do Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública (Sinesp) revelam a gravidade da situação: desde 2015, foram registrados 821 suicídios entre policiais, sendo 133 apenas em 2023. Este ano foi apontado pelo ministro como o pior da série histórica em termos de suicídios entre profissionais de segurança pública. “Este é um programa que busca reverter este quadro”, destacou Lewandowski.

Objetivos do projeto

O Escuta Susp tem três objetivos principais: cuidar da saúde mental dos profissionais de segurança pública, disponibilizar atendimento online seguro e desenvolver um protocolo específico de atendimento psicoterápico para esses profissionais. Em convênio com universidades públicas, o projeto visa oferecer um suporte essencial e muitas vezes negligenciado, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida e do bem-estar dos servidores de segurança pública.

Expansão planejada

A previsão para 2025 é que o Escuta Susp seja expandido para todo o território nacional, ampliando o alcance do atendimento e beneficiando um número ainda maior de profissionais. A implementação do projeto representa um passo significativo na valorização e cuidado com aqueles que atuam na linha de frente da segurança pública no Brasil.

 

 

 


 

Destaques