Governo anuncia parceria de desenvolvimento e produção de vacina contra COVID-19

28/06/2020 13:53

O governo federal anunciou nesse sábado (27), em Brasília-DF, uma parceria para o desenvolvimento e produção de vacina contra a COVID-19. 

As informações foram passadas durante a coletiva de imprensa do Ministério da Saúde, no Palácio do Planalto, onde foi destacada a situação promissora do tratamento.

Segundo os técnicos da pasta, a vacina já está na fase 3, a fase clínica, e o Brasil é representante do conjunto de nações que estão realizando os testes da vacina. 

O grupo prioritário será atendido no primeiro lote, da primeira etapa, que terá uma produção de 15 milhões de vacinas.

Caso comprovada a eficácia dessa vacina, o Brasil produzirá mais 70 milhões de doses para serem usadas para vacinar idosos, pacientes com comorbidade, profissionais de saúde, professores, indígenas, pessoas em privação de liberdade, profissionais de segurança pública, de salvamento e motoristas de transporte coletivo.

O secretário executivo do Ministério da Saúde, Élcio Franco, justificou a fabricação e o uso desta vacina, mesmo sem comprovação científica efetiva, devido a necessidade de uma solução:  Ele disse que o risco é necessário devido à urgência de busca de solução efetiva para as demandas de saúde pública. 

O representante do governo também disse que Esse é um avanço para a tecnologia nacional e uma amostra do esforço do governo de encontrar soluções para a população brasileira.

Segundo o governo,  estão sendo gastos cerca de U$ 127 milhões nessa primeira fase da produção,  ou seja, cerca de 700 milhões de reais para a produção da vacina. Nesse valor, estão incluídos os custos de transferência da tecnologia e do processo produtivo para Fiocruz.​