Prefeitura de BH entrega mais de 1 milhão de cestas básicas

28/07/2020 07:21

A entrega de cestas e kits, planejada inicialmente para abril, maio e junho, foi prorrogada até agosto e tem garantido a segurança alimentar e proteção a milhares de famílias em to

Mais de 1 milhão de cestas básicas e 166 mil kits de higiene já foram entregues pela Prefeitura de Belo Horizonte para famílias de estudantes da rede municipal de ensino e em vulnerabilidade econômica ou social. São exatamente 1.018.876, que totalizam mais de 19,3 mil toneladas de alimentos distribuídas desde o mês de abril como forma de substituição à alimentação escolar e de atendimento às famílias que tiveram acesso à renda prejudicado em função da pandemia da Covid-19.

A entrega de cestas e kits, planejada inicialmente para abril, maio e junho, foi prorrogada até agosto e tem garantido a segurança alimentar e proteção a milhares de famílias em toda a cidade. O acesso às informações de retirada dos produtos continua sendo feito por esta plataforma. No início de cada mês, as famílias acessam o sistema, retiram o voucher e as informações de data e local de retirada da cesta.

cestas-basicasFoto: reprodução / Prefeitura de BH
 

A secretária Maíra Colares explica a importância de uma resposta rápida para evitar a insegurança alimentar no município. "Essa iniciativa busca garantir direitos e que a população vulnerável tenha mais condições de fazer o isolamento social e se proteger da Covid-19".

Além dos benefícios, a Secretaria Municipal de Assistência Social, Segurança Alimentar e Cidadania reforçou a oferta de refeições e doações, por meio do Banco de Alimentos. Desde o início do período de isolamento social em função da pandemia, mais de 2 milhões de refeições foram servidas ou complementadas pela Prefeitura. Nos Restaurantes Populares, foram mais de 589 mil de refeições, sendo 239 mil refeições gratuitas para a população em situação de rua. Outras 657 mil foram servidas em 92 unidades de acolhimento institucional, chegando a 393 toneladas de alimentos. Além delas, 139 toneladas de alimentos foram doados pelo Banco de Alimentos, complementando mais de 840 mil refeições para públicos vulneráveis.