Bebê de 11 meses encontrado morto dentro do berço em Minas Gerais

Suspeita de asfixia por naninha em Senador Cortes; perícia investiga circunstâncias

Por Plox

28/12/2023 13h59 - Atualizado há 5 meses

Em Senador Cortes, na Zona da Mata de Minas Gerais, um bebê de apenas 11 meses foi tragicamente encontrado morto em seu berço na manhã desta quinta-feira, 28 de dezembro. A principal suspeita é de que a criança tenha se asfixiado com uma naninha, um tipo de fralda, enquanto dormia.

 

Conforme relatos da Polícia Militar (PM), a mãe do bebê o colocou para dormir por volta das 23h30 de quarta-feira, 27 de dezembro, após a última refeição do dia. Habitualmente, a criança despertava entre 6h e 7h para se alimentar novamente. No entanto, na manhã seguinte, ao verificar o quarto, a mãe constatou que o filho ainda estava dormindo. Após um período, ao retornar ao quarto, percebeu que a situação não havia mudado e prontamente buscou auxílio dos vizinhos.

 

Uma vizinha relatou que a criança apresentava uma mancha roxa no pé e tinha uma naninha em sua boca. O bebê foi rapidamente levado para um posto médico local, onde a equipe de plantão confirmou o óbito. A perícia da Polícia Civil foi acionada e realizou os procedimentos necessários na unidade de saúde. Posteriormente, o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Juiz de Fora para exames adicionais.

 

Este lamentável incidente chama a atenção para os riscos associados a objetos no berço de bebês e reforça a importância de medidas preventivas para garantir a segurança infantil durante o sono. As investigações estão em andamento para esclarecer as circunstâncias exatas da morte do bebê.

 

 


 

Destaques