Reunião entre prefeitos descarta lockdown no Vale do Aço

O encontro entre os prefeitos da Região Metropolitana do Vale do Aço foi promovido pela Agência de Desenvolvimento da Região Metropolitana do Vale do Aço

Por Plox

29/06/2020 11h31 - Atualizado há quase 4 anos

Na reunião entre os prefeitos, que aconteceu na manhã desta segunda-feira (29), foi descartado o lockdown no Vale do Aço. Também foi anunciado pelo superintendente regional de saúde, que Ipatinga irá receber ainda nesta semana 25 equipamentos, sendo que destes 15 são respiradores.

O encontro entre os prefeitos da Região Metropolitana do Vale do Aço foi promovido pela Agência de Desenvolvimento da Região Metropolitana do Vale do Aço, e aconteceu na sede da FIEMG Regional, em Ipatinga-MG.

Segundo informações apuradas pelo Plox no local com representantes da Agência de Desenvolvimento da Região Metropolitana do Vale do Aço (ARMVA) e Secretaria Regional de Saúde (SRS), está descartada a possibilidade de uma lockdown na região.

Segundo João Luiz, presidente da ARMVA, está sendo buscado um alinhamento entre os municípios da região para tomadas de decisão referente a situação da pandemia na macrorregião do Vale do Aço.

“Não se discute, nem pelo âmbito do Governo Estadual, nem a nível dos governos municipais, uma possibilidade de lockdown. Isso já foi assunto de outras reuniões, no entanto, nesse momento, não é uma hipótese que está sendo trabalhada por esse grupo”, disse João Luiz.

“Estamos buscando um alinhamento entre todos os municípios, em relação ao modelo de tomada de decisões, que se obedeça critérios padronizados para todos os municípios. E assim, a gente não teria situações de municípios agindo de modo diferente do outro, sendo vizinhos”, afirmou o presidente da ARMVA.

João Luiz disse ainda que a decisão de novas ações conjuntas, poderá sair nos próximos dias. “A decisão hoje é que foi amadurecida a proposta que foi trazida. Tivemos a adesão prévia de três municípios, mas o consenso é que, somente haverá uma aplicação do combinado, caso os quatro municípios façam a adesão plena. No momento, um dos municípios está levando a situação, para o seu comitê gestor de crise, e no próximos dias, vamos ter a decisão definitiva para a região”, afirmou João Luiz.

Não foi informado quais os termos que constam nesse combinado.

Fiemg-marceloO encontro foi na Sede da FIEMG, em Ipatinga-MG. Foto: Marcelo Augusto/Plox


Representantes já haviam se reunido anteriormente

Na última segunda-feira (22), representantes das cidades do Vale do Aço e entorno se reuniram com o representante do Ministério Público, Rafael Pureza e do superintendente da Saúde da Macrorregião do Vale do Aço. 

Na reunião, um dos temas discutidos foi a possibilidade de um novo decreto que poderá suspender as atividades do comércio por 14 dias em todas as cidades que fazem parte da macrorregião do Vale do Aço.

Em contrapartida, o Governo do estado assumiria o compromisso de investir nas cidades para aumentar o número de leitos hospitalares necessários para atender a população da macrorregião do Vale do Aço.

(Atualizada 12h35)

Destaques