PRF inicia campanha Maio Amarelo, com ações educativas de trânsito

Ação educativa pretende reduzir acidentes e foca em motoristas e motociclistas

Por Plox

30/04/2024 12h41 - Atualizado há cerca de 1 mês

A campanha Maio Amarelo 2024, que tem o objetivo de promover a segurança viária, começou nesta terça-feira (30), antecipadamente devido ao feriado do Dia do Trabalhador. Organizada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), a iniciativa se estende por todo o país, envolvendo as 27 superintendências e mais de 150 delegacias.

Foto: Antônio Cruz/ Agência Brasil

Este ano, a campanha traz de volta o projeto Cinema Rodoviário, um formato educativo onde os motoristas são convidados a assistir a palestras e vídeos que abordam comportamentos seguros ao volante. As sessões acontecem em carretas adaptadas, que funcionam como pequenos cinemas e são estacionadas em pontos estratégicos das rodovias.

A PRF também intensificou sua presença online com uma campanha publicitária que alerta sobre os perigos da distração ao volante e a importância de reações rápidas e adequadas em situações de risco. Segundo o órgão, esses são fatores críticos que aumentam a letalidade dos acidentes em rodovias federais.

Além das ações educativas, estão programadas operações de fiscalização que visam coibir práticas perigosas como excesso de velocidade, ultrapassagens indevidas, dirigir sob efeito de álcool, não uso de cinto de segurança e capacete, transporte irregular de crianças e uso de telefone celular ao dirigir.

Um foco especial será dado aos motociclistas, devido ao aumento de acidentes envolvendo motos observado pela PRF. No primeiro trimestre de 2024, foram registrados 7.119 acidentes com motocicletas, resultando em 434 mortes e 8.590 feridos. Esses números representam um aumento significativo em relação ao mesmo período do ano anterior, que teve 6.259 acidentes, 391 mortes e 7.008 feridos.

Destaques