Criança de 5 anos recebe visita de policiais militares na ala da oncologia do HMC e realiza sonho

Militares do 14º Batalhão promoveram na última semana, o Chá da Olívia. O encontro proporcionou a paciente um passeio de viatura com direito ao uso da farda

Por Plox

30/08/2023 09h55 - Atualizado há 8 meses

Um momento dedicado à realização do sonho da pequena Olívia Godoy Sá, de 5 anos, marcou a rotina de trabalho de um grupo de militares do 14º Batalhão da Polícia Militar, na última semana, em Ipatinga. Olívia é paciente da oncologia pediátrica do Hospital Márcio Cunha (HMC), em Ipatinga, no Vale do Aço, e desde quando chegou ao Submarino Mágico (como é chamada a ala da oncologia pediátrica) para tratamento, em outubro de 2022, a pequena logo expressou para a equipe o desejo de ser policial.

A pequena Olívia ao lado da Tenente Cleidiane. Foto: HMC/Divulgação.

 

Comovidos com o sonho da paciente, os profissionais da Oncologia Pediátrica, empenhados em promover um momento de acolhimento e humanização, intermediaram o encontro, que abriu as portas para o grande sonho da Olívia tornar-se realidade.

Na última semana, policiais do 14º Batalhão da Polícia Militar promoveram o “Chá da Olívia”, uma manhã especial que contou com a participação da irmã, Helena e das inseparáveis bonecas. Para os militares, o encontro marcou a convocação de uma “soldadinha” muito especial.

Olívia teve um café da manhã especial. Foto: HMC/Divulgação.

 

“A missão da polícia militar é servir e proteger. Quando percebemos esse reconhecimento, principalmente por parte das crianças, temos o sentimento de que o nosso trabalho alcançou o verdadeiro objetivo. As crianças são muito transparentes e quando a Olívia nos viu, os olhinhos dela brilharam. Nos sentimos abençoados por Deus por podermos desfrutar de um amor inocente”, celebra a Tenente da Polícia Militar, Cleidiane Maria de Paula Garcia.

O momento contou ainda com um passeio da paciente na viatura da PM, que teve oportunidade, ainda, de vestir a farda usada pelos militares. Para Daniela Sá, mãe de Olívia, os momentos vividos pela filha durante os seis meses de tratamento na unidade e o encontro com os policiais, tornam mais leves, os momentos desafiadores vividos durante o processo.

Olívia e as inseparáveis bonecas. Foto: HMC/Divulgação.

 

“Foi uma manhã deliciosa, regada a muito carinho, que emocionou toda a nossa família. Os militares pensaram em cada detalhe e víamos amor em cada pedacinho. A Olivia sonha em ser policial para prender os vilões, sem saber que o maior vilão ela derrotou no Submarino Mágico, junto a equipe maravilhosa que nos acolheu. Temos muita gratidão a Deus pela cura, pelos anjos que ele colocou em nosso caminho”, agradece Daniela.

 

Destaques