Ipatinga

estilo

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Começo de uma jornada

    Jornalistas Paula Meireles e Daniel Ottoni esperam por quadrigêmeos e vão dividir com os leitores, a cada sexta-feira, os medos, incertezas e conquistas desta aventura

    Por Plox

    03/09/2021 13h10 - Atualizado há 17 dias

    Quando, na vida, poderíamos imaginar que teríamos quadrigêmeos? Se a dificuldade já parecia grande pra termos um filho, depois de mais de dois anos de tentativas, quem diria quatro!

    Aqui, vocês poderão acompanhar um pouco da nossa aventura de colocar no mundo quatro meninos. Neste blog, iremos dividir com vocês nossa história, medos, incertezas, conquistas e várias confissões. 

    Quantas pessoas recebem a missão de educar quatro meninos neste mundo maluco de hoje? Foto Foto: Arquivo pessoal
    Quantas pessoas recebem a missão de educar quatro meninos neste mundo maluco de hoje?Foto: Arquivo pessoal

     

    Somos um casal de jornalistas que está junto há mais de 15 anos e tínhamos o sonho de formar a nossa família. Após muitas consultas, exames, idas e vindas a especialistas, recebemos a sugestão de considerar uma fertilização in vitro e foi a partir daí que tudo mudou. 

    Ao todo, a nossa espera durou dois anos e meio. Desgaste psicológico e investimento financeiro foram alguns dos desafios que enfrentamos no processo.

    Surgiu a oportunidade única (devido à idade da Paula) de tentar doar parte dos óvulos para conseguir abater parte do valor do tratamento e assim partimos para uma tentativa mais efetiva.   

    Uma fertilização in vitro exigiria usar praticamente todas nossas economias e com a doação de óvulos o valor do investimento cairia quase pela metade, sendo uma bem-vinda ajuda financeira.

    A medicina chinesa já vinha nos acompanhando há meses no processo de tentativas também, com uso de acupuntura, dietoterapia, aromaterapia, chás e muitas idas ao Mercado Central de BH para encontrar os produtos indicados. Se achávamos que estávamos preparando nosso corpo para o processo de uma gravidez natural, depois descobrimos que tudo o que fizemos foi para um propósito ainda maior. A busca pelo equilíbrio do corpo e da mente funcionou além da conta!

    Foram 22 óvulos produzidos por esta super mamãe, sendo que para que a doação se confirmasse eram necessários 12, ficando metade com os pais e a outra metade com a doadora. No final, ficamos com 11 óvulos e 6 deles evoluíram para embriões, que foram congelados.

    Ali, as coisas começaram a dar certo depois de muito tempo. Choro e alívio por saber que o processo tinha começado com o pé direito. Agora era aguardar o momento certo de fazer a transferência. Mais uma subida nessa montanha russa de emoções.  

    Em maio, chegou a esperada hora e a indicação foi de transferirmos dois embriões, para ampliar as chances de que pelo menos um deles evoluísse.  Dias depois da transferência, o exame de Beta HCG apresentou um valor alto e já desconfiamos que poderiam ser gêmeos.

    No primeiro ultrassom, fomos preparados para essa possibilidade se confirmar. Mas, logo de cara a primeira surpresa, eram três sacos gestacionais. A informação nos pegou totalmente desprevenidos e pouco depois a médica viu que no terceiro saco tinham na verdade dois bebês, então eram quatro!

    A mãe de quadri ria de nervoso e o 'aaaai' do pai foi um resumo do que ele (não) conseguiu falar com a notícia. O susto se transformou em medo, incertezas e dúvidas antes da poeira baixar e nos darmos conta de como éramos agraciados por algo tão raro e divino.

    Quantas pessoas recebem a missão de educar quatro meninos neste mundo maluco de hoje? Hoje completando os cinco meses dessa gestação incrível, nos consideramos muito mais bem preparados do que no começo, mesmo sabendo que inúmeras situações vão sair do nosso controle.

    Vamos precisar de uma grande rede de apoio e conviver com todo tipo de imprevistos. Saber lidar com tudo isso será um teste para o bolso, para o corpo e também para a cabeça. 

    Vamos juntos viver essa aventura?

    Confira postagem com imagens do dia em que o casal descobriu que estava grávido de quadrigêmeos


     

    Fonte: https://www.otempo.com.br/opiniao/pais-de-quadri/comeco-de-uma-jornada-1.2535843
    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]