Bombeiros detalham estado das crianças vítimas de ataque em creche

Polícia investiga motivações e possíveis cúmplices do ataque à creche

Por Plox

05/04/2023 12h35 - Atualizado há cerca de 1 ano

Após o trabalho da Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros, os socorristas concederam entrevista coletiva à imprensa e detalharam a situação das vítimas do ataque em uma creche cidade de Blumenau, em Santa Catarina. Na ocasião, quatro crianças, entre 5 e 7 anos foram mortas por um jovem de 25 anos que utilizou um machado no crime.

Assista: 

 

 

A Polícia Militar informou que um jovem de 25 anos adentrou a creche portando uma machadinha e atacou as crianças, causando a morte de três meninos e uma menina, com idades entre 5 e 7 anos. Após cometer o crime, o suspeito se entregou no Batalhão da PM, conforme relatou o delegado geral de polícia de Santa Catarina. 

Foto: divulgação

 

A Delegacia de Repressão a Crimes de Informática investiga possíveis cúmplices e informações relacionadas ao planejamento do ataque, buscando entender as motivações por trás do crime e se há outros envolvidos.

As quatro crianças feridas foram encaminhadas ao Hospital Santo Antônio, onde estão sob observação médica e recebendo tratamento devido aos ferimentos. O Instituto Médico Legal (IML) e a Polícia Civil atuam na investigação do caso. 

As demais crianças que estavam na escola durante o ataque foram retiradas do local e entregues aos responsáveis, conforme informou a polícia. A tragédia gerou grande comoção e preocupação tanto na comunidade local quanto entre as autoridades, que buscam esclarecer o ocorrido e garantir a segurança das demais instituições educacionais.

Destaques