FutPlox 13h: homossexualidade no futebol

Assunto se tornou pauta após o árbitro mineiro da Fifa, Igor Benevenuto, assumir a homossexualidade

Por Plox

08/07/2022 12h53 - Atualizado há quase 2 anos

Nesta sexta-feira (8), o FutPlox vai entrar em um assunto pouco comentado no meio futebolístico “homossexualidade no futebol”. O assunto se tornou pauta após o árbitro mineiro da Fifa, Igor Benevenuto, assumir a homossexualidade em um podcast que participava.

Em uma de suas falas, Igor destacou que é árbitro há mais de 23 anos e sempre se escondeu por estar no meio esportivo. "Tenho 41 anos, 23 deles dedicados ao apito. Até hoje, nunca havia sido eu de verdade. Os gays costumam não ser eles mesmos. Limitando nossas atitudes para não desapontar a expectativa do mundo hétero”, disse.

Ainda de acordo com Benevenuto ele escolheu a carreira para esconder sua sexualidade. “Ser árbitro me coloca em uma posição de poder que eu precisava. Escolhi para esconder minha sexualidade? Sim. Mas é mais do que isso. Eu me posicionei como o dono do jogo, o cara de autoridade, e isso remete automaticamente a uma figura de força, repleta de masculinidade”, relatou.

 

Veja o vídeo:



 

Destaques