Ipatinga

polícia

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Técnica em enfermagem é presa suspeita de estuprar paciente

    Profissional prestava serviços à família havia três anos e teria abusado de servidor público com doença degenerativa

    Por Plox

    10/04/2019 18h49 - Atualizado há mais de 2 anos

    Uma técnica em enfermagem de 36 anos foi presa suspeita de estupros contra um paciente de 54 anos, na cidade de Ceilândia, no Distrito Federal. A prisão aconteceu nessa terça-feira, 9, quando a mulher estava em casa. Ela pode pegar uma pena de até 15 anos, por estupro de incapaz.


    A Polícia Civil a investigava pelos abusos sexuais, que aconteciam frequentemente, entre dezembro de 2018 e janeiro deste ano. A vítima é um servidor público aposentado, portador de esclerose lateral amiotrófica (ELA), ao qual a mulher atendia há três anos. 

    De acordo com o delegado que conduz o caso, Maurício Iacozzilli, os estupros aconteciam no período noturno. Para praticar os abusos, a profissional deixava de medicar o paciente com os remédios que ele tomava para dormir. “Ela fazia sexo oral nele, o masturbava, o beijava na boca e colocava a mão dele nas partes íntimas dela”, esclareceu.

    enfermeira

    Foto: Divulgação PC


    A suspeita foi denunciada pelo próprio paciente. Ele não movimenta os membros, não fala e se alimenta por sonda, mas o filho dele, um rapaz de 18 anos, instalou um computador que “digita” através da movimentação dos olhos. 


    Negou os abusos


    Diante dos policiais, a técnica em enfermagem negou que tenha cometido o crime. Porém, o aposentado confirmou os abusos, ao depor em casa através do computador.


    A acusada está à disposição da Justiça até o julgamento. A cuidadora responde ao processo em liberdade, pois não houve flagrante.

    Atualizada às 17h16

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]