Ipatinga

economia

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Trabalhador que perde emprego pode receber a parcela seguinte do Auxílio Brasil?

    Cidadãos que ficaram desempregados nas últimas semanas querem saber se podem receber o próximo pagamento do programa.

    Por Plox

    24/02/2022 10h32 - Atualizado há 4 meses

    Todos os dias, mais trabalhadores ficam desempregados no Brasil, especialmente por conta do cenário econômico complicado que o país enfrenta. Neste sentido, cidadãos que acabaram de perder o emprego se perguntam se é possível receber o pagamento seguinte do Auxílio Brasil.

     

    O programa de transferência de renda substituto do Bolsa Família atende cerca de 18 milhões de famílias de baixa renda. Para ter acesso aos repasses, é necessário estar inscrito no Cadastro Único (CadÚnico).

    Até o fim de 2022, todos os beneficiários da iniciativa estão recebendo parcelas mínimas de R$ 400. Isso inclui as mais de 3 milhões de pessoas que foram adicionadas à folha de pagamento em janeiro e fevereiro.



     

    Novo desempregado recebe o Auxílio Brasil?

    Desde que cumpra todas as regras do programa, quem acaba de perder o emprego pode sim solicitar o benefício. Quando à ser contemplado com a parcela seguinte, isso pode ser um pouco mais difícil.

    O motivo é que esse desempregado precisa primeiro se inscrever sua família no CadÚnico e aguardar o processamento dos dados. Depois disso, quando já estiver na fila, deve esperar mais algum tempo até que o governo abra novas vagas.



     

    Como a folha de pagamento do Auxílio Brasil fecha semanas antes do repasse, é possível que a família não receba a próxima cota do benefício. Por outro lado, se o Ministério da Cidadania continuar admitindo novos aprovados no ritmo atual, a inclusão não deve levar muito tempo.

    Regras do Auxílio Brasil

    Confira as exigências para entrar no programa:

    • Ter cadastro atualizado no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico);
    • Fazer parte de uma família em situação de extrema pobreza (renda familiar mensal de até R$ 105 por pessoa); ou
    • Fazer parte de uma família em situação de pobreza (renda familiar mensal de até R$ 2012 por pessoa), desde que composta por gestantes, mães amamentando ou menores de 21 anos.
    Fonte: https://editalconcursosbrasil.com.br/noticias/2022/02/trabalhador-que-perde-emprego-pode-receber-a-parcela-seguinte-do-auxilio-brasil/
    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2022[email protected]