Ipatinga

veículos

X FECHAR
ONDE VOCÊ ESTÁ?

    Volkswagen dá férias coletivas para 800 funcionários por falta de peças

    Segundo o sindicato existem atualmente 15 mil veículos estacionados no pátio da fábrica esperando que as peças

    Por Plox

    27/09/2021 15h20 - Atualizado há 2 meses

    A fábrica da Volkswagen em Taubaté, em São Paulo, ficará fechada por 10 dias devido à falta de peças. O Sindicato dos Metalúrgicos da Região (Sindimetau) afirma que 800 funcionários começaram suas férias coletivas na segunda-feira (27). 
    "A montadora protocolou o aviso no último dia 10. No documento, a VW informou que as coletivas seriam para 2 mil trabalhadores, mas que poderia sofrer alterações. A medida será aplicada mais uma vez pela falta de componentes, principalmente de semicondutores, que vem sofrendo oscilações no fornecimento e dificultando a produção mundial de veículos", trecho da nota do Sindimetau.
    Esta é a sexta vez este ano que a fábrica anuncia um encerramento.
     

    Segundo a entidade, existem atualmente 15 mil veículos estacionados no pátio da fábrica esperando que as peças sejam completadas. O número de funcionários em férias coletivas, segundo o sindicato, equivale a um turno de produção. A data prevista para o retorno dos trabalhadores é 7 de outubro. "Já foram registrados (neste ano) 11 dias de 'shutdown' e mais cinco dias de 'day off' (ambos com utilização do banco de horas) por falta de peças", informou  a entidade.

     

    Fábrica da Volkswagen em Taubaté, em São Paulo Foto Foto: Volkswagen/Divulgação
    Foto: Volkswagen/Divulgação


    A Volkswagen anunciou que a falta de semicondutores impactou sua indústria e está procurando minimizar os efeitos em sua produção. Segundo a Volkswagen, a fábrica de Taubaté produz atualmente os carros Gol e Voyage, mas em breve instalará uma plataforma MQB que lhe permitirá produzir outros modelos de veículos.

     

    Foto: Volkswagen/Divulgação


    A empresa está procurando minimizar os efeitos dessa escassez em sua produção.

    Veja a nota da empresa:

    "A escassez de capacidades de semicondutores tem levado a vários gargalos de fornecimento em muitas indústrias globalmente. Isso também tem gerado problemas no abastecimento da indústria automotiva ao redor do mundo durante o ano de 2021. O resultado são adaptações em toda a indústria na produção de automóveis, o que também afeta as marcas do Grupo Volkswagen.
    Nos últimos meses, o time da Volkswagen América Latina tem trabalhado intensamente, em parceria com a matriz e fornecedores, para minimizar os efeitos da escassez de semicondutores para a produção em suas fábricas na região. Entretanto, o cenário atual não demostra o encaminhamento para uma solução definitiva visando a normalização do fornecimento de chips."
     

     



     

    PLOX BRASIL © Copyright 2008 - 2021[email protected]