Funkeira morre após procedimento estético; entenda o caso

30/07/2020 20:44

MC Atrevida passou por lipoescultura e 10 dias depois foi internada em estado grave na UTI

A funkeira Fernanda Rodrigues, conhecida como MC Atrevida, morreu aos 43 anos após fazer um procedimento estético em uma clínica na Vila Isabel, Zona Norte do Rio. Especialistas alertam para as medidas necessárias antes de realizar cirurgias plásticas.

 

Funkeira MC Atrevida morre após realizar procedimento estético, no Rio (foto: Reprodução/ Facebook)

Funkeira MC Atrevida morre após realizar procedimento estético, no Rio(foto: Reprodução/ Facebook)

MC Atrevida fez uma lipoescultura para retirar gordura das costas e injetar nos glúteos em 16 de julho. Dez dias depois, ela chegou ao Hospital Municipal Evandro Freire, na Ilha do Governador, com fortes dores e foi encaminhada para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em estado grave, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde do Rio.

 

Na última segunda-feira, 17, ela não resistiu e faleceu. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico-Legal (IML). De acordo com o delegado que investiga o caso, André Neves, o laudo aponta que a morte da funkeira foi por septicemia subcutânea, que deu origem a uma infecção generalizada causada por inflamação na pele. O caso é investigado pela 37ª Delegacia Policial da Ilha do Governador. 

 

A dona da clínica, Wania Tavares, que se autointitula como “Rainha das Plásticas”, disse em uma live no Instagram que está tranquila quanto ao caso. “Eu estou com a minha consciência super tranquila quanto ao procedimento, que foi feito corretamente”, se defendeu.

 

Em nota, a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica informou que o médico que realizou o procedimento não é associado e não possui título de especialista em cirurgia plástica. 


Dicas para procedimentos estéticos

 

De acordo com o cirurgião plástico Fernando Amato, membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, a primeira medida que as pessoas devem tomar antes de fazer o procedimento estético é pesquisar sobre o médico.

 

“É importante verificar os registros profissionais de quem vai realizar a cirurgia. No site da SBCR e em outras páginas regionais é possível pesquisar sobre o médico, se ele tem a especialidade cadastrada”, explica. 

 

Além disso, ele também reforça que as pessoas não devem se guiar por mídias sociais. “O procedimento de lipoaspiração que a funkeira MC Atrevida fez, é seguro. Pode surgir complicações com médicos despreparados”, acrescenta.

 

Fonte: https://www.em.com.br/app/noticia/nacional/2020/07/30/interna_nacional,1171646/funkeira-morre-apos-procedimento-estetico-entenda-o-caso.shtml